Salmos


« Home | Salmo 170 » | Salmo 169 » | Salmo 168 » | Salmo 167 » | Salmo 166 » | Salmo 165 » | Salmo 164 » | Salmo 163 » | Salmo 162 » | Salmo 161 »

Salmo 171


Deus de todas as manhãs, Senhor da História,
Pai de Jesus, meu Senhor e meu Dono,
meu Amor, minha Liberdade e Ressurreição!

Deus da manhã de Páscoa,
Senhor cuja mão resgata Jesus do ventre da morte,
esvazia o sepulcro cavado pelas nossas injustiças,
selado pelas nossas impotências
e chorado pelas nossas dores,
Pai Poderoso e Fiel
que quebras o ritmo circular e repetido dos nossos dias e do nosso tempo,
fechado sobre si mesmo,
para inaugurares um Tempo Novo, um Tempo Último, definitivo,
cheio de sentido e plenitude…
...esse Tempo que começa no Primeiro Dia da Semana
cujo Sol é o Teu Filho Ressuscitado!

Ele mesmo é o Sol da Nova Criação
que se levanta “de manhã cedo, no Primeiro Dia da Semana”,
enquanto as suas discípulas cumpriam o calendário fúnebre
e os discípulos esperavam medrosos o fim dos rituais dos mortos…

No ciclo fechado dos nossos dias não há lugar para novidades…
Mas a Tua mão rasgou o véu deste tempo,
quebrou todos os ritmos e fez amanhecer um Dia Novo,
um Dia que não anoitecerá jamais porque o Sol que o preside é Jesus
Messias, Senhor, Ressuscitado, Confirmado, Exaltado, Glorificado…
...e mil outros nomes que os que o amam procuram
para dizer a abundância de Vida que difunde dele para todos,
como o Big Bang de uma Nova Criação
que gera continuamente um Universo em Expansão que transfigura o antigo Cosmos…

Deus da Vida, da minha Vida também, meu Senhor e meu Dono, meu Amor…
Deus que me abraças e envolves com o Corpo feito de Vento da Ruah,
Espírito Santo de tantos Nomes,
Corpo feito de Água,
Corpo feito de Fogo,
Corpo feito de Ternura,
Corpo feito de tudo o que possa envolver cada recanto meu
e tomar a forma do meu corpo para me animar da Vitalidade do Seu…

Deus que não me deixas.

Deus que não me deixas.

Nunca acabarei de perceber o Teu cuidado, o Teu Amor, a Tua Graça.
És grande: confundes-me!
És bom: surpreendes-me.
És Deus: salvas-me.

Meu Senhor e meu Dono, Pai do Messias galileu que Te chamava “Abba”
e a mim me chamou “amigo” e “irmão",
de dentro da Tua Ruah,
Esta que me enviaste agora como Anjo da Consolação,
não Te peço senão isto: ajuda-me a ser parecido com Jesus.



8 Comentários a “Salmo 171”

  1. # Anonymous Anónimo

    Senhor de todos os dias sem noite...e também daqueles dias longos como o de hoje... de entrega...de surpresa...de cansaço...e de gratidão...Gratidão pelo teu Espírito Santo...pela certeza que pões no nosso coração de que tudo está ainda no princípio...e é novo e é belo e dá felicidade...porque de Ti, Senhor só vem ternura...e toda a novidade que os nossos dias possam ter passa pela presença em nós da Tua Ruah!  

  2. # Anonymous Anónimo

    Espírito Santo...Ruah...Vento que sopras onde bem te apetece... quando passas, tudo revolves ...as vidas... o modo de pensar...e de pensar-te...faz com que nos deixemos revolver também no nosso modo de agir...que o Teu Ser-Amor esteja sempre subjacente quando nos relacionamos...envolve-nos...abraça a nossa pequenez e os nossos medos...não nos deixes acreditar na força das nossas incapacidades...ensina-nos a deixar que seja o Teu sopro a encaminhar os nossos passos...e as nossas decisões... As Portas estão abertas de par em par...é tempo de sair...de proclamar por aí a Fidelidade daquele que plenamente se deixou gerar por Ti e soprou sobre nós a Tua força para que sejamos testemunhas desse viver sempre fiel...e testemunhas encantadas...daquelas que celebram o que vivem e vivem o que celebram...Ruah! minha descoberta! meu encanto!  

  3. # Anonymous Anónimo

    Pela graça do gesto inesperado.
    Pela amizade que se traduz
    No beijo,
    Na palavra,
    No abraço.
    Pelas cumplicidades que o coração cria.
    Pelas lágrimas,
    Pelas dúvidas,
    Pelas lutas,
    Pela Alegria!
    Pelo encanto das descobertas
    De que o coração é capaz.
    Pelo Dom do Teu Amor
    Permanentemente a acontecer.
    Por este gosto imenso de viver.
    Obrigada, Senhor!  

  4. # Anonymous Anónimo

    Dias de amizade...dias de "estar"...simplesmente "estar" e ser como se é...sem corantes nem conservantes...como se é...na sim plicidade...dias de Graça e de Gratidão...encontro de irmãos que aprendem a sê-lo de verdade...que aprendem a virar-se para fora de si...e a perguntar-se e a perguntar-Te: "que esperas Tu de nós? que projecto tens ?"...São tão bonitos estes dias, Senhor, Deus de todos os dias...Deus de todos os encontros...Deus de todo o Amor , de todo o saber esperar, de todo o saber ouvir...Deus que estás e que és...não me canso de saborear este gosto...este friozinho que sinto na barriga e me faz agradecer...agradecer ...agradecer e, abrir a coração extasiado...  

  5. # Anonymous Maria Rafaela

    Ó Deus da Verdade, da Única, da Vedadeira Verdade... Daquela Verdade que és TU...
    É só nessa Verdade que eu creio...
    Que eu quero crer... mesmo quando as trevas aparecem por perto... a quererem estragar o sonho e a lançar a confusão...
    É em Ti Caminho, Verdade e Vida...
    Que me dás a Vida em cada momento... Faz-me saborear a Tua Verdade...
    Dá-me a Tua Paz... Faz descer sobre mim o Teu Espirito...  

  6. # Anonymous Anónimo

    QUANDO EXISTE NO MUNDO ESSA PALAVRA COM 4 PALAVRAS VERDADEIRAS,DEUS EU TI AMO MUITO E AO SEU FILHO JESUS DE TODOS O MEU CORAÇÃO. OLHE SEMRE A MIHA FAMILIA SAUDE, PAZ,E PROTEÇAO.LOUVADO SEJA SEU NOME E DE SEU FILHO MARAVILHOSO.NOS ABENÇOE,E NOS LIVRE DE TODO O MAL DESSE MUNDO AMEM.IZI.  

  7. # Anonymous Anónimo

    Meu Deus criador de todas as coisas, meu amor minha vida, meu ar, meu dia, minha noite,meu alimento, minha maê, minha familia, meu trabalho, minha esperança, dou te graças pela tua existência e tua criação, obrigada  

  8. # Anonymous Anónimo

    Meu deus, meu salvador toma a minha vida e guia-me pelo teu caminho, entro a a minha vida em tuas mãos faz a tua vontade, o teu agir penetre na minha vida e da minha familia amem  

Enviar um comentário



Site Meter

© 2008 Salmos | Blogger Templates by GeckoandFly.
No part of the content or the blog may be reproduced without prior permission